Qual documentação levar ao seu Contador para o Imposto de Renda?

Qual documentação deve separar para o Imposto de Renda? Seu contador pode te ajudar com o imposto de renda? Mais uma vez, é hora de se perguntar: devo pagar meus próprios impostos ou contratar um contador?  Como a situação financeira da maioria das pessoas muda a cada ano, vale a pena perguntar outra vez. Apresentar uma declaração de imposto de renda pode ser uma das questões mais complicadas com que você precisa lidar todos os anos. Em especial se você trabalha por conta própria ou possui seu próprio pequeno negócio. Códigos complexos e regras diferentes para várias situações podem tornar seus impostos um processo bastante difícil.

Então, contratar um contador para ajudá-lo com seus impostos pode poupar muito estresse. Veja a documentação para o Imposto de Renda, aqui está uma lista dos itens básicos que você deve fornecer ao seu contador. Embora ele possa solicitar outros documentos específicos de que você precisa.

O QUE SEU CONTADOR FAZ?

Os contadores fiscais têm duas funções principais – preparar declarações de impostos e tributárias.

Quer o contador seja autônomo ou trabalhe para uma empresa. Ele se especializou em auxiliar os clientes no preparo da declaração de imposto de renda. Por outro lado, eles se reúnem com os clientes para reunir a documentação necessária. Estas incluem comprovantes de investimentos e outros documentos financeiros. Para registrar essas declarações, o contador precisa conhecer as leis tributárias. Eles calculam quanto imposto é devido observando as deduções e créditos fiscais de um cliente.

Por fim, os contadores que fazem planejamento tributário costumam trabalhar com empresas maiores que atuam no exterior. O objetivo deles é desenvolver uma estratégia para que as empresas evitem prejuízos fiscais e diminuam o imposto de renda. Contadores internos e externos são contratados por essas empresas para desenvolver planos de longo prazo para economizar dinheiro ao longo do tempo.

1. INFORMAÇÃO DE IDENTIFICAÇÃO

Para preparar seus impostos, um contador precisa de certos detalhes de identificação que possam provar se você é quem diz ser. Seu contador precisará do seu número de seguro social. Por outro lado, todos os anos, a Receita Federal envia de volta centenas de declarações de impostos porque os nomes e números da previdência social no formulário não coincidem.

Você também pode trazer uma segunda forma de identificação. Pode ser carteira de motorista, carteira de identidade militar ou qualquer outra coisa com foto emitida pelo estado.

2. LEVE AO SEU CONTADOR SUA DECLARAÇÃO FISCAL MAIS RECENTES

Embora você possa não se qualificar para as mesmas deduções fiscais ou baixas do ano passado, fornecer ao seu contador o retorno do ano anterior pode ajudá-lo a acessar as informações e calcular certas deduções sem ter que ligar para você toda hora. Por outro lado, se você estiver se reunindo com um novo contador, esta é uma boa chance para discutir problemas que possam existir entre as declarações de impostos anteriores e qual deve ser sua melhor abordagem.

3. DECLARAÇÕES DE RECEITAS ADICIONAIS

Em primeiro lugar, você obteve outras fontes de receita durante o ano? Talvez você tenha algum bônus de juros e dividendos, renda de desemprego ou renda de seguridade social. Por outro lado, se for possível, você deve receber declarações para cada uma dessas fontes de receita que também precisará levar ao seu contador.

4. DOCUMENTAÇÃO DE PROPRIEDADES

Há muitas deduções para as quais você pode ser elegível. Traga todos os documentos relativos à compra recente de uma casa. Comprovante de hipoteca paga ou juros de empréstimo ou comprovante de pagamento de impostos imobiliários e de propriedade pessoal pagos.

5. POR FIM, LEVE AO SEU CONTADOR DOCUMENTAÇÃO DE DESPESAS PARA O IMPOSTO DE RENDA

Para obter suas deduções e créditos, você deve entregar a documentação que comprove suas despesas no ano para o qual está declarando os impostos. Portanto, traga recibos, faturas, contas médicas, doações a caridade, doações de impostos, despesas de procura de emprego, registros de viagens, despesas educacionais, despesas de trabalho autônomo e muito mais para seu contador. É melhor ter muita documentação para fornecer do que pouca.

POR QUE CONTRATAR UM CONTADOR PARA TE AJUDAR COM O IMPOSTO DE RENDA?

Um software financeiro de fácil uso torna cada vez mais fácil gerenciar as finanças da sua prática por conta própria. No longo prazo, entretanto, o uso eficaz de um contador pode gerar dividendos.

Então, um bom contador fará mais do que controlar os recibos e equilibrar o talão de cheques. Além de oferecer orientação sobre como certos itens devem ser classificados na declaração de impostos. Por outro lado, seu contador irá analisar dados financeiros e gerar dados para a preparação de impostos, tomada de decisões e muito mais.

Por fim, você pode manter os custos ​​fazendo você mesmo a parte simples e a preparação de documentos. Peça ao seu contador para treinar você, um membro de sua equipe. E aconselhá-lo sobre os melhores formatos de manutenção de registros a serem usados. Então, criar e aderir a um sistema de registros reduz a quantidade de tempo. Tempo que seu contador precisará gastar.

Deixe seu Comentário
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on print
Print
Share on email
Email

Seja nosso cliente!

Proposta Online

Preencha os campos abaixo que enviaremos uma proposta com todas as informações.